Publicidade

quinta-feira, 30 de abril de 2015

Rodando Firefox e Google Chrome em modo Kiosk


Aprenda como colocar os dois navegadores em modo Kiosk e transformá-los em estações de trabalho.



         Use o modo Kiosk para trabalhar no Google Chrome e no           Firefox.

Conhecido no português como modo quiosque ou Kiosk Mode é uma forma muito interessante para se usar os navegadores de Internet para exibir páginas pelos terminais como exemplo podemos citar os terminais de banco.
Essa prática é muito usada em casos específicos e que necessitem de necessidades especiais,  Isso é muito raro de se ver em casos de usuários domésticos. Basicamente o que é feito é limitar a navegação do usuário em uma página específica e o usuário só  será levado para a outra página se o sistema permitir.

Para um melhor entendimento usaremos o seguinte cenário:

Imagine que o seu navegador você aperte a tecla F11 quando isso é feito a sua tela fica em modo de tela cheia (fazendo com que você fique com a sua atenção na página) . Caso você queira mudar de site ou sair do modo tela cheia basta levar o mouse no topo da página do navegador para que os menus apareçam , ou só apertar F11 de novo.

No  modo Kiosk  acontece o mesmo só que a única diferença do modo de Fullscreen é que  naõ se consegue acessar o menu do navegador e mudar a URL pelo menu de endereços, ou clicar com o botão direita para usar o menu de contexto o usuário ficará sempre confinado na mesma página e só conseguirá mudar ela com a permissão do sistema.


Kiosk no Frefox




Pode-se usar esse recurso por meio do add-on R-Kiosk ele dixa o seu navegador em modo kiosk e para remove-lo sou usando modo seguro.

veja abaixo como usá-lo

1. Primeiro defina o endereço (URL) da página que ficará em modo Kiosk nas configurações do navegador, você deve apenas digitar o endereço inicial do navegador, a página que ele deve abrir quando for iniciado.

2. Agora você pode instalar o R-Kiosk a partir deste link.

3. Depois de instalado, o Add-on pedirá para que o browser seja reiniciado, ao reiniciar ele ele sempre ficará no modo Kiosk abrindo na página que você selecionou no passo 1.

4. Caso você queira remover o R-Kiosk ou fazer alguma alteração no endereço inicial basta abrir o navegador em modo seguro, no Linux aperte as teclas Alt+F2 e digite:

firefox --safe-mode


No terminal

No terminal também pode-se usar o R-Kiosk pelos procedimentos acima. Caso você esteja usando o Windows o comando deve ser digitado na janela "Executar" e para remove-lo vá até a janela do Firefox - Complementos do Browser e remova-o de lá.

Com o R-Kiosk instalado sempre que o firefox for aberto o navegador será sempre assim devido ao uso dessa extensão e não pode ser navegado na internet pela maneira tradicional..


No Google Chrome 

No navegador Google Chrome temos uma extesão com o nome de "Kiosk" que possui uma interface mais interessante que a do firefox e não compromete o uso do navegador.



  Instalando e usando o Kiosk no Google Chrome

 
1º Instale o aplicativo pela Chrome Web Store aqui

2º  Depois que foi instalado ele se rá encontrado na sua nova aba do Chrome junto com os seus aplicativos bastando clicar nele para abrí-lo. A seguir digite o endereço  (URL) da página que será mostrada em modo Kiosk, pode se também configurar portas para acesso remoto ao computador, etc. Depois que foi configurado clique em Save  (botão localizado na parte inferior)que o Kiosk será iniciado.

3º Para remover o Kiosk do Chrome é só clicar no botão direito sobre ele na sessão aonde são encontrados os aplicativos e depois clicar em remover é bem simples

Obs : Diferente do que ocorre no Firefox o Chrome usa o nevgador para outros fins , não sendo necessário que sen entre em modo de segurança para removê-lo.

Sempre que quiser usar o Kiosk é só clicar no aplicativo.

E ai gostou da dica?  

Até a Próxima !


 

quarta-feira, 29 de abril de 2015

Instale o Gaupol



O que é o Gaupol ?

O Gaupol é um  editor de legendas  de código aberto que possui muitas funcionalidades como :

- Atalhos
- Verificador ortográfico
- Extensões
- Reconhecimento de voz





A última versão do Gaupol é a 0.28 e já foi lançada ha algum tempo e ela conta com várias mudanças  veja nota oficial aqui.



Instalação

Para instalar gaupol nas distribuições  Linux: Ubuntu, Linux Mint, DuZero, Pinguy OS, Elementary OS, Deepin, Peppermint, LXLE, Linux Lite, Debian, Fedora, CentOS, OpenSUSE, Mageia, OpenMandriva, Arch Linux e Manjaro faça o seguinte.

1- Abra o terminal (CTRL + ALT+ T)
2- Digite su e depois a senha de root
3- Digite os comandos  abaixo:

 wget http://download.gna.org/gaupol/0.28/gaupol-0.28.tar.xz

 tar -xJvf gaupol-0.28.tar.xz

 cd gaupol-0.28

 python3 setup.py clean install

Até a próxima !!!

Atualização do Chakra Linux não conta com novo KDE Plasma 5

KDE 5 Plasma está ainda ausente!

O Chakra Linux é uma distribuição Linux que foi construído par aproveitar ao máximo o KDE e desktop Plasma porém. o projeto da distribuição não acompanhou o projeto do KDE.
 Foram corrigidas algumas questões com o lançamento de algumas atualizações que são bem interessantes.



A série Chakra Euler que teve  um terceiro lançamento que foi em Março, mas como algun usuários notaram  os desenvolvedores escolheram ficar com o KDE 14.12.2 e a as aplicações KDElibs 4.14.5 e kde-workspace 4.11.16. Também foi implementado o Frameworks KDE 5 mas, não foi colocado a área de trabalho do Plasma.

Talvez o motivo para isso ter acontecido é que o Chakra usa um desktop personalizado e os desenvolvedores precisem de mais tempo para fazer a transição para a próxima geração de Desktops  Plasma que está sendo implementada bem lentamente por muitos  dos Sistemas operacionais que usam o KDE . O simples fato dos desenvolvedores terem feito essas atualizações indica que eles não estão tão longe assim de fazerem a troca.


Usuários do Chakra contam com lotes de  pacotes atualizados

Nem tudo  ao mundo da distro Chakra está relacionado com o KDE e existem muitos pacotes que precisam ser atualizados como por exemplo: os drivers proprietários o u o seu Kernel.

No Site oficial é dito o seguinte: " O primeiro lançamento de KDE de sua série de Aplicações 15,04 e Frameworks 5.9.0 estão agora disponíveis para todos os usuários do Chakra. Com este lançamento o kde-workspace também foi atualizado para a versão 4.11.18 e kdelibs a 4.14.7. Tenha em mente que os aplicativos que foram portados para Frameworks 5 não serão atualizados, mas permanecem em suas versões anteriores, como eles estão sendo preparados para serem incluídos no próximo Plasma5".

Algumas atualizações:

- Kernel Linux foi atualizado para a versão 3.19.4
- Drivers Nvidia 346,59 já se encontram disponíveis nos repositórios
VLC foi atualizado para a versão 2.2.1
- Entre muitos outros.


Download

Pode-se baixar o Chakra Linux no Link abaixo e fazer a atualização para obter todos os pacotes mais recentes.
                            
                                Download



Até a próxima !!!

terça-feira, 28 de abril de 2015

Lançado o Super Tux Kart Remodelado


Super Tux Kart Agora com nova Engine Gráfica !

Um dos jogos que já era um sucesso no Linux foi remodelado, abaixo você pode conferir o novo Super Tux Kart com a nova Engine Gráfica Chamada de Antárctica .







Para quem não conhece ( e vale apena ) o Super Tux Kart é uma sátira Open Source (Código Aberto) para Linux  do já conhecido jogo Super Mário Kart criado pela Nintendo, O Super Tux Karte é gratuito e se encontra disponível para todos os Sistemas Operacionais.

OBS :Só funciona em arquitetura de 64 bits





Confira o Vídeo !!!




Baixando o Jogo

Para fazer o download desse incrível jogo basta clicar no link abaixo.



A versão do jogo vem compactada em formato tar.gz, para instalar o jogo basta extrair o seu conteúdo e dar dois cliques no arquivo run.game.sh .

E ai Gostou do Game ? Deixe um comentário e compartilhe para ajudar o projeto!

Até a Próxima!!!

Lançamento do Gnome 3.18 acontecerá em Setembro



Anote ai !

O lançamento da versão 3.18 do Gnome  acontecerá no dia 23 de Setembro.




Os desenvolvedores do Gnome 3.18 estão muito ocupados, pois eles estão trabalhando nas séries 3.17/3.18 do Gnome e como de costume o seu lançamento da versão 3.18 (beta) será no final de setembro.

Na semana que passou foi confirmado o cronograma do Gnome 3.17/3.18 com todos os marcos de libertação que antecederão a estréia do Gnome 3.18.0 


A série do Gnome 3.17.1 estrá com o seu lançamento previsto para o dia 29 (amanhã), haverá dois Gnomes 3.17 milesatones em maio , dois em junho e dois em julho.e o Gnome 3.18 beta saíra no dia 23 de Setembro. 

segunda-feira, 27 de abril de 2015

Diferenças entre o System D e o Upstar

Entenda a Diferença entre o System D e o Upstart.

Nesse post eu vou tentar explicar as diferenças  entre o System D e o Upstat.

Conheçendo o System D

O System D foi criado por Lennart Poettering que é funcionário da Red Hat e contribuidor do Fedora Linux e por isso que muita gente atribui  o System D à Red Hat sendo que estão errados, pois embora hoje na Red Hat projetos como System D pois tanto a idéia original quanto o esforço foram feitos por Lennart em seu tempo livre e não como projeto de trabalho pela empresa .

A motivação por trás da criação do System D é bem mais ambiciosa do que a do Upstart a idéia principal é que há muitas funcionalidades de kernel Linux que são incríveis e avançadas mas não usadas a não ser em ambientes muito específico pois não há infra-estrutura comum no espaço de usuário para fazer uso da funcionalidade e disponibilizá-la para o resto do sistema. Como exemplo pode-se citar os cgroups (control groups) que são formas de se juntar os processos em uma embalagem permitindo tratar esse grupo de processo como um todo.
Esses grupos podem ser usados para limitar as partes do sistema os processos que o compõe que podem ser vistas e com isso é criada uma visão virtual mais limitada o sistema, impor limites de uso de memória, de operações de I/O, etc.
Uma das primeiras funcionalidades do System D foi a utilização de control groups. Cada serviço que é inicializado pelo System D é dentro de um cgroup próprio isso significa que todos os pocessos que são criados naquele serviço também são terminados por ele.

O System D abandona o uso de Scripts de inicialização mesmo que possa chamá-los para inciar os serviços.

O uso de cgroups pelo System D garante que não fiquem processos para trás.

O System D resolveu o problema do desempenho de 2 formas:

A primeira foi a remoção dos scripts shell, cada serviço é especificado em um arquivo de configuração chamado de "unit" onde são descritas as informações que são usadas pelo init para a criar eo cuidar do processo.
Isso retira a necessidade de se inicializar um interpretador shell e da execução de complexos scripts do System V.

A segunda é a criação de todos os sockets de serviços controlados pelo System D (eles são descritos no arquivo unit) e quando ele recebe uma conexão ele inicia o serviço e passa para o socket.

Conhecendo o Upstart

 O Upstart foi criado pela Canonical antes dos processadores multi-núcleo, tendo como principal preocupação a melhora do desempenho do Boot usando o processo de paralelismo a idéia desse processo é substituir a necessidade de estabelecer dependências entre o serviço de forma declarativa por estabelecer condições para que o serviço seja executado.
O Upstart supervisiona o serviço com competência isso quer dizer que se um serviço morrer ele pode ser inicializado novamente sem que o processo-pai  tome conhecimento.

A comunicação dos serviços com o próprio init, no Upstart acontece pelo D-BUS  "O novo barramento" padrão nos Sistemas GNU/LINUX.

 Ao ler a Faq do Upstart podemos ter uma idéia do projeto que inclui:
  • Substituir os daemons cron, atd e anacron,
  • Talvez substituir o inetd,
  • Jamais, em hipótese alguma, substituir hal, udev, DeviceKit e acpid.


 Bom é isso.

E ai gostou do Post?

Deixe um comentário !!

Até a próxima !!

domingo, 26 de abril de 2015

Formatando e Criptografando um Pendrive com senha no Ubuntu

Olá leitores.

Hoje vocês aprenderão a formatar e criptografar um pendrive e colocar senha no Ubuntu.

Colocar senha no Pendrive

Sé você é como eu e costuma carregar informações úteis no seu pendrive, é sempre bom proteger os seus dados que estão contidos no pendrive.

 Com a popularização dos dispositivos USB é bastante comum levarmos os pendrives para onde formos e não é muito incomum deixarmos eles em algum lugar. E se  você ainda não passou por isso tenha certeza que ainda irá passar!

Usando o Luks com ext 4

O Luks sigla de Linux Unified Key Setup é uma especificação de criptografia que foi criada em 2004 e ele opera junto com os arquivos Ext 4 que é o padrão na maioria das distribuições Linux,

Essa Ferramenta funciona integrada também com o aplicativo "discos" do Ubuntu o qual é usado além de outras coisas para formatar pendrives.

Para se instalar o Luks no Ubuntu basta que o pacote cryptsetup esteja instalado para isso basta baixar o arquivo clicando no link abaixo.



Se você preferir também pode fazer a instalação via terminal.com o comando

sudo apt-get install cryptsetup


Agora basta formatar o pendrive em Ext 4.

Após a formatação basta procurar na Dash (menu) pelo programa discos.




Após isso siga os passos

1 - Clique e selecione o seu Pen Drive.

2 - Clicar no botão de "stop" para desmontar o pen drive.

3 - Clique nas engrenagens e clique em "Formatar". 






Na próxima tela deve-se escolher o tipo de formatação, selecione então a opção  "Criptografado, compatível com sistemas Linux (LUKS + Ext4).     
                                             


Na próxima tela será visto algo parecido com isso,  aqui você pode escolher uma senha de segurança para o seu pendrive.
                                                                 


Obs: Uma boa senha possui mais de 8 caracteres (números, letras em caixa alta ou normal ) pode-se usar caracteres especiais também

Depois que a senha foi configurada basta clicar em formatar e logo após a formatação pode-se montar o pendrive novamente dando um clique no botão de play ou tire e coloque o pendrive novamente,

Quando o pendrive for montado será mostrado essa tela de desbloqueio.


Janela de desbloqueio


Agora basta acessar a senha que foi escolhida para que o pendrive seja acessado e depois clique em "conectar" ainda é possível  marcar opções para que seja lembrada a senha do pendrive e por quanto tempo ela será lembrada.

Obs  1: Caso você esqueça a senha para usar o seu pendrive deve-se formatá-lo novamente.

Obs 2:  O sistema Ext4 só é reconhecido por sistemas Linux isso quer dizer que mesmo que se digite a senha ele não irá funcionar no Windows (é uma boa dica para evitar curiosos)..  

E ai Gostou !

Até a próxima!!

Lançado o Debian "Jessie"

A versão 8  do Debian codinome "Jessie" (Personagem Cowgirl do filme Toy Story 2) acaba de ser lançado.



Confira abaixo as novidades do Sistema e faça o Download.

Conheça as novidades da nova versão e faça o download.

Para Deleite dos usuários Debian a nova versão "Jessie'" O novo Sistema vem para ficar bastante tempo no seu computador.
Depois de quase dois anos em desenvolvimento a nova versão foi apresentada e terá suporte para 5 anos.

O Debian "Jesse" vem com o System D como padrão, Essa decisão foipalco para muita controvérsia na comunidade de usuários Linux.

As novidades:

O suporte ao UEFI (Unified Extensible Firmware Interface) que foi introduzido no Wheezy, foi bem melhorado na Jessie, Incluindo soluções alternativas para os vários, bugs de Firmware, vem com suporte ao UEFI para 32 bits e suporte a Kernels de 64 bits com o firmware UEFI de 32 bits.

 Novidades contidas no sistema

- Apache 2.4.10
- Asterisk 11.13.1
- GIMP 2.8.14
- GNOME 3.14
- Coleção de Compiladores GNU 4.9.2
- Icedove 31.6.0 (uma versão sem marca do Mozilla Thunderbird)
- Iceweasel 31.6.0esr (uma versão sem marca do Mozilla Firefox)
- KDE Plasma e aplicativos KDE 4.11.13
- LibreOffice 4.3.3
- Linux 3.16.7-ctk9
- MariaDB 10.0.16 e MySQL 5.5.42
- Nagios 3.5.1
- OpenJDK 7u75
- Perl 5.20.2
- PHP 5.6.7
- PostgreSQL 9.4.1
- Python 2.7.9 e 3.4.2
- Samba 4.1.17
- Tomcat 7.0.56 e 8.0.14
- Xen Hypervisor 4.4.1
- Xfce 4.10


Fora isso são mais de 43.000 outros pacotes de software prontos para uso, construídos a partir de cerca de 20.100 pacotes fonte.

Arquiteturas suportadas:

A nova versão do Debian "Jessie" vem com suporte para PC 32 bits / Intel IA-32 (i386),PC 64 bits / Intel EM64T / x86-64 (amd64 ), Motorola/IBM PowerPC (powerpc para hardware mais antigo e ppc64el para o novo de 64 bits (little-endian)), MIPS (mips (big-endian) emipsel (little-endian)), IBM S/390 (s390x 64 bits) e para ARM, armel e armhf para hardware antigo e novo de 32 bits, além do arm64 para a nova arquitetura AArch64 de 64 bits.

Download

Para baixar o Debian "Jessie" basta clicar aqui e escolher a opção desejada uma vez que existem muitas opções de download.

E ai o que achou do novo Debian ? 

Até a próxima!

O que é preciso saber para trabalhar com Games


O Trabalho com Games

Embora muita gente ache que trabalhar com games seja uma profissão muito fácil, Ela não é, Apesar do mercado de games ainda ser novo no Brasil já existem empresas (pequenas), que trabalham com desenvolvimento de jogos.
Abaixo são mostrados as competências que se precisa ter para trabalhar nesse segmento do mercado de desenvolvimento de games.




Desenvolvimento de Games o sonho de muitos

Acredito que assim como eu muitos já tiveram ou ainda têm o sonho de produzir um game. Se você tiver essa vontade esse artigo destina-se a você amigo "Gamer".


Fonte:BBC

A Profissão e o mercado de Games no Brasil

O Brasil ainda está muito no começo no mercado de desenvolvimento de jogos e por causa disso não existem muitas empresas (como acontece no exterior) destinadas a esse nicho de mercado .
A produção de um game em sí é muito genérica pois existem muitos profissionais com habilidades específicas que estão envolvidos na produção de um jogo. (basta ver os créditos no final do jogo).

Se você imagina que para se produzir o seu game favorito você pensa só em programadores e modeladores trabalhando dia e noite (movidos por café), você pode repensar isso. Pois não basta só ter modeladores 3D  e programadores para se produzir um game existem outras áreas que estão envolvidas nisso.


Veja o vídeo abaixo onde são mostrados os detalhes e as possibilidades para o mercado de games.



Já deu para perceber o processo de criação de um jogo.  Existem muitos poucos cursos que são bons nessa área e a montagem, deles não é tão fácil pois existem muitas outras áreas envolvidas.
Apesar disso esse é um mercado promissor e atualmente os jogos estão a cada dias sendo mais integrados á sociedade. 

Jogos na Educação

Os jogos já estão sendo desenvolvidos como ferramentas pedagógicas para ajudar as crianças no aprendizado, já que hoje elas aprendem de uma forma bem diferente da que nos foi ensinada e foi ensinada aos nossos pais.
Um jogo bem feito pode ensinar muito á uma criança .

E ai, voltou a se interessar por desenvolvimento de games!!!

Até a próxima!!

sábado, 25 de abril de 2015

Lançado o Ubuntu 15.04 Final

Ubuntu 15.04 Final na Área

Enfim a versão final do Ubuntu 15.04 Vivid Vervet foi Lançado no dia 23 de abril de 2015 (Quinta Feira).





Detalhes da nova versão.


A nova versão do Ubuntu traz muitas atualizações de software e polimento na interface Unity, é bem provável que seja a última versão a usar o Unity 7.

Algumas novidades principais dessa versão.

- Kernel 3.19 com novos drivers de vídeos
- Novos aplicativos Gnome
- Unity mais veloz


Download 

Embora a Canonical não tenha atualizado o seu site Oficial, nos seus servidores oficiais já se encontra disponível para download o ISO final. Agora é só fazer o download e aproveitar a versão final do Ubuntu 15.04.

Versão 64 Bits

Ubuntu 15.04 64 Bits 

Ubuntu 15.04 64 Bits Torrent
_______________________________________________

Versão 32 Bits

Ubuntu 15.04 32 Bits

Ubuntu 15.04 32 Bits Torrent 

Até a próxima!


Formatar o Pendrive pelo terminal

Olá leitores!

Formatar o Pendrive é uma das coisas mais simples de se fazer e é uma das tarefas rotineiras de quem trabalha com informática.

O processo de formatação mostrado a seguir pode ser usado em qualquer distribuição Linux pois ele é feito pelo terminal.

Formatando o Pendrive

1º coloque o seu Pendrive na entrada USB.

2º Abra o Terminal (CTRL + ALT + T)

3º  Digite o comando df para descobrir a unidade USB




Depois que soubermos aonde se encontra a unidade USB  podemos formatar o pendrive.

Obs: Preste muita atenção para não formatar a unidade errada.

Devemos desmontar a unidade então, ainda como root execute o comando umount /dev/unidade
no meu caso a unidade é a sdb1

Então ficará assim : umount /dev/unidade/sdb1 


                                                                       

Agora basta formatar a unidade com o comando mkfs .vfat -n "pendrive" -I /dev/sdb1


Pronto seu Pendrive já estaformatado .


Gostou da dica ?

Até a próxima!!





sexta-feira, 24 de abril de 2015

Instale o TeXpen No Gnu/Linux

O que é o TeXpen?

O Texpen é um editor Latex Open Source baseado no QT e C++ A sua última versão é o TeXpen 0.7.2 que foi recentemente lançada.



As principais características do TeXpen  são:
  • Temas / Cores de fundo para proteger os olhos; 
  • Inglês Grammar Improvement / Expression; 
  • Artigo esboço para navegar rapidamente; 
  • Documento Templetes para iniciantes; 
  • Chave Figura Inserir / Tabela; 
  • Compilação pdf chave e built-in pré-visualização;
  •  Autorrealização para reduzir a digitação; 
  •  Verifica ortografia

Instalação

Para fazer a instalação do TeXpen no Ubuntu, Linux Mint, Pinguy OS, Elementary OS, Deepin 2014, Peppermint, LXLE, Linux Lite, Debian, SparkyLinux, Fedora, CentOS, OpenSUSE, Mageia, OpenMandriva, Arch Linux, Manjaro e outros sistemas Linux, abra o terminal , digite a senha do root (superusuário) e logo depois os comandos abaixo.


$ wget http://heanet.dl.sourceforge.net/project/texpen/0.7.2/TeXpen-linux-0.7.2.tar
$ tar -xvf TeXpen-linux-0.7.2.tar
$ sudo mv texpen /opt/texpen
$ sudo ln /opt/texpen/texpen /usr/bin/texpen

Removendo o Texpen

Para remover o TeXpen execute:

$ sudo rm -r /opt/texpen /usr/bin/texpen  

Até a próxima!!!

Mais de 25 milhões de pessoas usam o Ubuntu

Ubuntu é a distro mais popular no mundo!!

Se eu fizer a seguinte pergunta: Quantos usuários usam o Ubuntu? você saberia responder ?

Provavelmente acho que não

O Ubuntu é a distribuição Linux mais  popular no mundo, a prova disso é o seu número de usuários que ultrapassa os 25 milhões , isso sem contar os usuários de versões alternativas da Distro como: Ubuntu Studio, Ubuntu MATE, usando XFCE, KDE etc.

Contabilizando os usuários
Sempre desconfiamos do Números de Usuário que usam o Ubuntu porém nunca houve dados para comprovar isso. Isso acontece porque é muito difícil contabilizar o número de pessoas que usam a distribuição Ubuntu já que não existe uma forma clara de se fazer a contagem , O que é bastante diferente no caso do Windows e MAC  então o que temos são números aproximados.


A Canoical tem o Ubuntu One Login que é usado para instalar alguns programas que estão na Central de Programas e outras formas para  enviar os dados que é proporcionado pela Dash do Unity e com isso permite-se gerar uma estatística bem razoável e confiável.

A técnica de ter estatísticas validas do uso do produto é bastante usada na hora em que o produto é vendido para os fabricantes de Hardware por exemplo.

A informação vem do site Ubuntu Insights que pertence a Canonical , Apesar do foco não ser falar da quantidade do numero de usuários que usam o Ubuntu a informação acabou "vazando". A ideia principal era vender o Ubuntu como uma plataforma OEM para os fabricantes de hardware da Dell, Acer e Lenovo (antiga IBM) permitindo com isso o que os computadores tivessem hardware certificado para usar o Ubuntu.

 Segundo fonte O uso da internet e dos computadores (agora com os Smartphones) foi mais do que triplicado do ano de 2000 até 2010 com aprox. 2 bilhões de pessoas (usuárias). se calcularmos que aproximadamente 2,5 bilhões de pessoas usando computadores em casa e no mundo (especulação pois temos que descontar os usuários de Mobile que crescem rapidamente a cada dia),assim o que representaria os 25 bilhões de usuários?





São aproximadamente por cerca de 0,5 % a 0,8 % do total.  supondoi que o Linux (qualquer distribuição tenha 0,2 % de usuários que usem Desktop, isso indicaria que a metade de usuários no mundo usa o Ubuntu isso sem levar em conta as distros derivadas (Kubuntu, Xubuntu, Lubuntu, Ubuntu Studio, Edubuntu, Ubuntu MATE, Ubuntu Gnome,  Ubuntu KDE etc.)e A famiília de Distros Linux baseadas no Debian ocupariam 60 % das Distros usadas no Mundo.

Legal né?


Até a próxima!!!


domingo, 19 de abril de 2015

Mudando a velcidade do Scroll do mouse


Conheça o I'm Wheel

O i1m Wheel é um programa que permite fazer a configuração do número de linhas que será rodado pelo  scroll (a boliha) do seu Mouse .
O I'm Wheel se encontra na Central de Programas do Ubuntu, para intalá-lo basta clicar no botão abaixo.

http://2.bp.blogspot.com/-4YHH96c6ZvU/VTFJ2fuQ5iI/AAAAAAAAO48/Zx4bLAUzQmI/s1600/download.png

Para os que prferem  fazer a instalação via terminal é so abrir o terminal e digitar o comando abaixo.

sudo apt-get install imwheel

Agora que o i'm Wheel foi instalado vamos continuar.

O I'm Wheel é um aplicativo sem interface gráfica, então para configurarmos ele devemos editar o arquivo de texto então vá até a sua pasta home e mostre os arquivos ocultos (CTRL +H) .
 Devemos entrar em um arquivo chamado Imwheelrc bastando dar dois cliques com o seu editor favorito (Nano,Kate ou o Gedit)

Para quem prefere fzer isso pelo terminal é só digitar

gedit ~/.imwheelrc

Obs:  Caso deseje usar outro editor basta substituir o nome gedit pelo seu editor.

Com o editor aberto cole o seguinte.
 
".*"
None, Up, Up, 3
None, Down, Down, 3
Onde estão aparecendo os números em destaque (cor vermelha) pode-se configurar a velocidade do Scroll ou seja, o que vai ser configurado na realidade seráo número de linhas que será rodado.

I'm

Logo após a configuração ser feita é só salvar o documento.

Iniciando o I'm Wheel junto com o Sistema.

Para que funcione o processo mostrado anteriormente bats colocar o  I'm Wheel em funcionamento isso é feito pressionando ALT+F2 no Ubuntu e depois rodar o comando abaixo e  apertar Enter.

imwhell

 Caso queira fazer pelo terminal basta abrí-lo e digitar o comando abaixo.


imwheel

Pode-se conferir que ele está rodando ao observar o monitor do sistema.


Observação

Se o comando for executado mais de uma vez poderá ocorrer problemas fazendo com  que ele não funcione. Caso isso aconteça você pode finalizar a tarefa pelo monitos do sistema ou se preferir pode-se usar esse comandono terminal

killall imwheel

Sempre pode-se voltar para o arquivo  de texto para fazer alteração nas configurações para mais ou para menos conforme o seu gosto.

O programa não inicia automaticamente junto com o sistema.Para isso acontecer deve-se fazer uma configuração procurando por aplicativos de sessão e adicionar o I'mWheel como mostrado na imagem abaixo.


  Pronto! 

Agora o seu Scroll está customizado, configurado e iniciado junto com o Sistema.
Caso você queira desinstalar o programa basta entrar na Central de Programas e procurar pelo I'm Wheel quando enconá-lo basta clicar na opção remover.
Caso queira remover pelo terminal basta acessar ele e digitar o comando abaixo.

sudo apt-get remove imwheel

Gostou da dica?
Deixe um  comentário.

Até a próxima!!

Update-notifier para XFCE, MATE, LXDE NO Debian Ubuntu e derivados


O que é o Update-notifier ?



O Update-notifier destina-se a fazer uma notificação sobre atualizações que são disponibilizadas para serem instaladas. Caso você esteja usando os ambientes XFCE, MATE, LXDE  no Debian, Ubuntu e derivados Abaixo será mostrado como fazer para instalar o Update-notifier nessas distribuições.


Esse procedimento é destinado ao Debian Jesse e Ubuntu minimal onde não tenham sido instalados meta pacotes.

Para instalar a notificação de atualizações abra o terminal e digite o comando abaxo 

sudo apt-get install --no-install-recommends update-notifier

 Obs: Repare no --no install-recomends isso significa que não serão instalados os pacotes recomendados, para não poluir o seu ambiente gráfico com muitos pacotes do Gnome.

Por alguma razão o applet de notificação não existe mais o que é bastante estranho pois assim o pacote perde a sua finalidade,  mas para contonar isso devemos instalar o  pk-update-icon com o seguinte comando.

sudo apt-get install pk-update-icon

No Debian para facilitar um pouco a sua vida para fazer a configuração de atualizações instale o software-properties-gtk 

sudo apt-get install software-properties-gtk

Agora basta reiniciar o computador e  sempre que houver uma atualização você receberá um alerta abaixo.


Ao clicar no ícone será exibido uma lista com as atualizações disponíveis para instalá-las basta clicar em instalar atualizações



E ai gostou ?

Até a próxima !!
 

sábado, 18 de abril de 2015

Atualize a versão do seu Kernel no Linux

Olá.

Hoje mostrarei como fazer para instalar e manter sempre o Kernel do seu Linux com a última verção.




Como fazer a instalação do Kernel Linux no Ubuntu.


Pelo fato de a Canonical ser bem conservadora quanto o assunto é atualização do Kernel não é muito comum to Ubuntu ter o seu Kernel atualizado para última versão.

Então descobri um script  em português que você pode fazer a atualização do seu Kernel sempre que quiser
e de uma forma facilitada e mantendo sempre o Kernel na sua última versão.

Instalação:

Para instalar o Script basta abrir o terminal e digitar (ou colar) os comando uma após o outro.

Comando para instalar o navegador em modo texto lynx

sudo apt-get-install lynx
  
Baixando o Script

wget https://www.dropbox.com/s/fx90v0eoi7p53br/kernel-update?dl=0   

Mudando as permissões do arquivo

chmod + x kernel-update?dl=o

Rodando o Script

sudo./kernel-update?dl=0

Se tudo correr  bem será visto uma tela como esta logo abaixo.





As opções mostradas na tela são estas:

a) kernel update  - Atualiza o kernel

b) Excluir Kernel antigo  - Exclui as versões antigas do Kernel

c) Sair       -Sai


Independente de qual opção for escolhida basta seguir os procedimento na tela para se fazer os ajustes, eles são bem poucos e muito simples.

Obs: Esse script atualiza o Kernel para a versão 4.0 mas serve para as futuras versões que virão.

Obs 2: Sempre que se queira atualizar o kernel basta usar esse script.

Gostou desse post? Comentem!

Até a próxima!

quinta-feira, 16 de abril de 2015

Instalandio o Elementary Tweak no Lelementary OS Freya


Aprenda a instalar a tradicional ferramenta de configurações e ajustes do Elementary OS na sua nova versão.





Instalando o Elementary Tweak para personalizar o seu Elementary OS .

O pessoal do  Elementary OS gosta de chamar a atenção das pessoas, e nessa semana foi lançado o Elementary OS codinome "Freya".

Quem já vbaixou e instalou o Elemantary OS 3.0 "Freya" percebeu que não há muitas opções de personalização do sistema de forma nativa mas esse problema pode ser resolvido de uma maneira fácil com o Elementary Tweak uma aplicação para personalizar vários itens do sistema bastante similar ao Ubuntu Tweak .

 Elemantary Tweak

Com o Elementary Tweak você pode:

- Mudar o tema GTK do sistema;
- Mudar o tema do cursor;
- Mudar o tema de ícones;
- Mudar o Layout dos botões das janelas;
- Mudar as fontes do sistema;
- Ativar/Desativar/Modificar as animações das janelas do sistema;
- Mudar as opções de foco e sombras nas janelas;
- Configurar o plank dock (posição, alinhamento, ocultação, tamanho dos ícones);
- Ativar/Desativar clique único para abrir pastas;
- Mudar o formato da data e da hora;
- Mudar o tamanho dos ícones no menu Slingshot;
- Alterar o tema do terminal.entre outas coisas!

 Instalação

Para instalar o Elemantary Tweak siga os procedimento abaixo.

1º Abra o terminal
2º digite su e a senha (para logar-se como superusuário)
3º digite add-apt-repository ppa:mpstark/elemenatry-tweaks-daily -y
4º digite apt-get update
5º digite apt-get install elementary tweaks

Agora é só customizar o sistema ao seu gosto.

Até a próxima!



terça-feira, 14 de abril de 2015

Os melhores Indicadore para o seu Ubuntu e derivados


Melhores indicadores para o seu Ubuntu e derivados


Abaixo são mostrados uma compilação do melhores indicadores para serewm usados no su Ubuntu e derivados com funcionalidades que vão desde o básico até os avançados  .

Confira!!


Reminder Indicator



O Reminder Indicator é indispensável para aqueles que tem compromissos importantes e não podem esquecê-los

Com o Reminder Indicator é possível que se crie lembretes e quando o indicator deve te avisar sendo bastante útil.

Para instalar o Reminder Indicator abra o terminal e digite o seguinte comando.

1º sudo add-apt-repository ppa:bhdouglass/indicator-reminder-y

2º sudo apt-get update

3º sudo apt-get install indicator-remindor -y



Classic Menu Indcator

O Classic Menu Indicator é uma ótima pedida para os saudosos que queiram ter o menu do seu Linux baseado em categorias (que era uma marca registrada do Gnome 2).

Para instalar o Classic Menu Incicator abra o terminal e digite oseguinte comando.

1º sudo add-repository ppa:diesch/testing -y 

2º sudo apt-get update

3º sudo apt-get install classicmenu-indicator -y


Sticky Notes Indicator

O Sticky Notes Indicator são notas adesivas onde pode-se colocar lembretes importantes ,o indicador fica ao  lado do calendário (data e hora) e o seu funcionamento é muito simples basta que se clique nele e criar a sua nota.

 
Para instalar o Sticky Notes Indicator abra o terminal e digite o comando abaixo.

1º sudo add-apt-repository ppa:umang/indicatorstickynotes -y

2º apt-get update

3º sudo at get indicator-stickynotes -y

Multiload Idicator

Com o Multiload Indicator podemos monitorar através de gráficos e estatísticas  os principais dados do computador.


O programa é ideal para que gosta de ficar de olho em dados de consumo de memória,velocidade de gravação, acesso ao disco e processador.

O Mutiload Indicator se encontra disponível na central de programas do Ubuntu, Caso queira instalá-lo usando o terminal digite o comando.

sudo apt-get install indicator-multiload   


Feed Indicator 

O Feed Indicator é útil para quem deseja receber as anotações  dos vários sites que gostamos de acompanhar.

O Feed Indicator usa os Feeds RSS dos sites e com ele você consegue acompanhar cada post feito.

Para instalar o Feed Indicator você deve  abrir o terminal e digitar o comando.

1º sudo add-apt-repository :ppa:noobslab/indicator -y

2º apt-get update

3º  sudo apt-get install feedindicator -y

 
NetSpeed Indicator

Apesar de no Brasil as empresas provedoras de internet não entregarem a velocidade prometida.
Com o NetSpeed Indicator podemos saber o que acontce com o tráfego na rede , O programa exibe nocantosuperior a velocidade do download do sistema em tempo real.




 Para instalar  o NeySpeed Indicator abra o terminal e digite os seguintes comandos

1º sudo add-repository ppa:nilarimogard/webup8

2º apt-get upadte

3º sudo apt-get install indicator-netspeed

Agora é só reiniciar a sessão e  logar-se novamente e o indicator já deve estar funcionando.


E  ai Gostou ?
Comente!!
 Até a próoxima !!


Baixe Apks do Android de graça no computador


Aprenda como baixar de graça todos os aplicativos da Google Play diretamente no seu computador para eles serem instalados no seu Tablet ou smartphone.


Descubra como é fácil baixar os aplicativos do Android .


Uma coisa que eu considero bastante útil seria a possibilidade de baixar aplicativos do Google Play Store diretamente do site em formato .APK sem que se tivesse que ter um Tablet ou Smartphone  com o Android.

Quando se pesquisa por programas que baixem aplicativos da google Play para o PC se encontra até algumas extensões  para o navegador Google Chrome que tornem possível essa integração mas, elas pecam em alguns detalhes.

As configurações que são necessárias para se fazer downloads de APK direto pelo Google Play não são muito complicadas porém, conseguem atrapalhar usuários leigos .   

Para resolver esse problema o Google Play Download é resposta.

Download de aplicativos da loja com o Google Play Download.

O Google Play Download é um software para o Ubuntu  que usa as mesmas APIs das extensões para o Chrome, a principal diferença é que ele já vem configurado com uma conta e já habilitado para que você pesquise o aplicativo e o baixe dando um clique apenas.


O funcionamento do programa é muito simples é só digitar no campo de busca o nome do aplicativo que você deseja baixar e depois apertar "Enter'.

 Após isso aparecerá uma lista com todos os detalhes e apps dos mesmos, agora é só clicar em cima do aplicativo que se deseje baixar e depois clicar em  "Download Selected APK(s)" na parte inferior.

Agora é só escolher onde será salvo o seu APK e pronto! Ele já pode ser usado como você bem entender seja fazendo Backup, seja usando com um Emulador ou passando para o seu Smartphone.

Download do  Google Play Download

O Google Play Download e um programa gratuito.Para fazer o download do Google Play Download é só clicar aqui e baixar o pacote .deb para o Ubuntu  para instalar basta dar dois cliques sobre ele, O mesmo deve abrir com a Central de Programas e você  instala ele normalmente como os outros softwares.

E ai, Gostou da notícia? comente!

Até a próxima!