Publicidade

sexta-feira, 21 de julho de 2017

A Razer está trabalhando em um smartphone Android para os jogadores hardcore



Ainda não há detalhes, mas os detalhes do projeto se alinham bem

Razer é o nome mais recente que se diz estar considerando um smartphone, com a empresa planejando um novo dispositivo que seria especificamente destinado aos jogadores.

Citando pessoas familiarizadas com o assunto, a Bloomberg relata que o Razer dependeria principalmente do Nextbit, o arranque do smartphone que comprou no início deste ano e que é considerado extremamente valioso para este projeto, dado o seu know-how.

O dispositivo seria particularmente dirigido aos consumidores, e a fonte mencionada diz que a Razer está visando "jogos hardcore", pois a empresa está tentando se expandir no setor móvel sem abandonar seu pedigree que o tornou famoso no mercado de PCs.

Os detalhes não estão disponíveis por enquanto, mas acredita-se que o dispositivo seria alimentado pelo Android, provavelmente uma versão fortemente modificada para um melhor desempenho.

Decisão a ser feita no final deste ano

De acordo com a mesma fonte, o projeto deve obter o avanço apenas depois que a empresa lança sua primeira oferta pública em algum momento em outubro, com a Razer buscando avaliação de até US $ 5 bilhões. Dependendo dos resultados do IPO, Razer então reconsideraria o projeto e decidirá se o traz para o mercado ou não.

O que é importante notar, no entanto, é que o relatório sugere que a abordagem do smartphone ainda não está marcada, e o Razer poderia muito bem criar um dispositivo de jogos na forma de um tablet. O smartphone, no entanto, é a prioridade, especialmente com o know-how da Nextbit que poderia ajudar nesse sentido.

E é claro que um smartphone de jogos da Razer é muito provável para atrair a atenção de outros fabricantes de smartphones Android, como a Samsung, que poderia investir mais nessa direção para seus futuros modelos.

A marca Galaxy S8 já vem com recursos adaptados a uma experiência de jogo substancialmente aprimorada, de modo que a chegada do Razer ao mercado apenas convenceria mais empresas a acelerar seus esforços nesse sentido.


Fonte

Até a próxima!!